Segunda, 11 Julho 2016 00:00

Mecanismo para se evitar o crime

Avalie este item
(0 votos)

Para evitar a fraude, o aposentado ou pensionista que não tiver interesse em obter empréstimo consignado ao seu benefício do INSS pode solicitar o bloqueio.

Para isso, deve-se dirigir a uma agência da Previdência, munido do documento de identidade e do número do benefício. Se ele quiser desbloquear a margem para um eventual empréstimo, o procedimento deve ser o mesmo.

Outras irregularidades podem ser combatidas. O aposentado, por exemplo, deve ficar sempre atento e não oferecer seu cartão ou senha de banco a terceiros. O INSS alerta, também, que nunca entra em contato com o beneficiário por telefone para solicitar informações pessoais, bem como não repassa essas informações às financeiras.

Por isso, aposentados e pensionistas não devem informar dados pessoais, caso alguém os solicite em sua residência, com a promessa de acelerar a liberação do empréstimo, ou oferecendo qualquer outro tipo de “facilidade”.

As queixas envolvendo indícios de fraudes devem ser feitas na Ouvidoria Geral, na página do Ministério da Previdência Social (www.previdencia.gov.br), ou pela Central 135.

Ler 423 vezes
Entre para postar comentários

Um pouco sobre nós

A AEA-MG (Associação dos Eletricitários Aposentados e Pensionistas da Cemig e Subsidiárias) foi fundada em 29 de janeiro de 1983, por um grupo de eletricitários que percebeu a necessidade de unir os aposentados da CEMIG. Em todos esses anos de existência, apresentamos a você uma entidade forte, representativa e consolidada.

 

Saiba mais...

Facebook

Newsletter

Assine nossa Newsletter e fique por dentro das notícias e promoções.